Você já ouviu falar em Amadeus?

Quantas vezes um Coach já foi chamado para desenvolver competências em um cliente? Quantos líderes e equipes passaram por processos de aprimoramento e/ou desenvolvimento? Quantos altos executivos já recorreram a um Coach para ajudá-lo em suas metas de negócios?

Para o leitor entender o objetivo final de meu artigo, é necessário fazer um rápido retrospecto sobre essa empresa chamada Amadeus, cuja sede está em Madri – Espanha, tem 14.200 funcionários que falam em mais de 150 idiomas diferentes, que são orientados a atenderem mais de 70 organizações, e com presença em 195 países do mundo. Lembrou-se da Amadeus? Resumidamente, a empresa foi criada por um investimento conjunto da Ibéria, Lufthansa, SAS e Air France, completa 30 anos em 2017, e mantém a indústria de viagens em movimento.

Ela é pioneira em tecnologia que conecta todo o ecossistema de viagens (provedores de viagens, distribuidores de viagens e os próprios viajantes) em cada fase do deslocamento. Dessa forma, ajuda as empresas de viagens a gerenciar as operações com mais eficiência e melhor atender os clientes. Da busca e reserva ao check-in e embarque, passando pelas operações intermediárias que tornam esses processos possíveis, sempre que você leitor for viajar, a Amadeus o acompanhará.

Voltemos agora ao nosso universo de Coaching. Quantas vezes um Coach já foi chamado para desenvolver competências em um cliente? Quantos líderes e quantos times de funcionários passaram por processos de aprimoramento e/ou desenvolvimento? Quantos altos executivos já recorreram a um Coach para ajudá-lo em suas metas de negócios? Quantas vezes um Coach especializado já trabalhou para ajustar a promessa de marca de uma empresa ao seu público-alvo? E quantas vezes, para não ficarmos nos estendendo mais aqui, Coach participaram de um trabalho para eliminar conflitos que prejudicavam a produtividade do grupo?

Quando se analisa o ambiente de uma organização como a Amadeus (veja vídeo Quem somos nós, com legenda, abaixo), percebe-se o quanto a nossa vida depende, literalmente, de pessoas competentes e dedicadas ao que fazem. Que se aperfeiçoam constantemente e estão prontas a trazerem ao seu cotidiano inovações que são proporcionadas pela tecnologia. A empresa investe, anualmente, 16% (€ 725 milhões, em 2016) de seu faturamento em pesquisas e inovação, com o correspondente investimento na aprendizagem.


Link original: https://www.youtube.com/watch?v=wYhjXLbNmho

Enfim, o mundo se move pelos avanços e, a cada dia, tudo o que aprendemos vai ficando obsoleto. A nossa vida está nas mãos de quem se guia pelo progresso e crescimento pessoal, em todas as dimensões. E, por outro lado, há aqueles que colocam as suas vidas nas mãos de um Coach, ao nele fazerem as apostas de que terão apoio e direcionamento adequado. E então eu pergunto:

Como empresa, você se espelha no exemplo da Amadeus ou acha que já sabe tudo de tudo? Já leu, conheceu e pensou em como tirar proveito da plataforma de conhecimento do Espaço do Coach?

Mario Divo Author
Mario Divo tem incrível experiência profissional, tendo chegado a meio século de atividade ininterrupta, em 2019. É PhD e MSc pela Fundação Getulio Vargas, com foco em Gestão de Negócios, Marcas e Design, Marketing e Comunicação Corporativa. Tem formação como Master Coach, Mentor e Adviser pela Sociedade Brasileira de Coaching e pelo Instituto Holos. Consultor credenciado para aplicação do diagnóstico meet® (Modular Entreprise Evaluation Tool), Professor e Palestrante. CEO e Coordenador Executivo da plataforma Dimensões de Sucesso, acumulando com o comando da MDM Assessoria em Negócios. Foi Diretor Executivo do Automóvel Clube Brasileiro e Clube Correspondente da FIA – Federação Internacional do Automóvel, no Brasil. Foi titular do Planejamento de Comunicação Social da Presidência da República (1997-1998) e, anteriormente, comandou a Comunicação Institucional da Petrobras. Liderou a Comunicação Institucional e a Área de Novos Negócios da Petrobras Internacional. Foi Presidente da Associação Brasileira de Marketing & Negócios, Diretor da Associação Brasileira de Anunciantes e, também, Conselheiro da Câmara Brasileira do Livro. Primeiro brasileiro no Global Hall of Fame da Aiesec International, entidade presente em 2400 instituições de ensino superior em 126 países e territórios, voltada ao desenvolvimento das potencialidades das jovens lideranças em todo o mundo.
follow me
Neste artigo


Participe da Conversa