fbpx

Você ganha de acordo com seu potencial?

Todos querem ganhar bem pelo que realizam. Então, por que existe diferença na remuneração pelo desenvolvimento do mesmo trabalho? Se você está insatisfeito e quer “uma luz no fim do túnel” a fim de entender porque seu valor não condiz aos resultados que produz, esta é a hora!

“Ninguém nunca vai pagar o que você vale. Eles vão apenas pagar o que pensam que você vale, e você controla o que pensam” Casey Brown (Palestrante e especialista em preços)

Acredito que todos querem ganhar bem com o que realizam. Então, por que existe diferença na remuneração pelo desenvolvimento do mesmo trabalho?

Escrevi esse artigo com o objetivo de ajudar quem está insatisfeito e quer “uma luz no fim do túnel” a fim de entender os motivos do seu valor estar desajustado comparado aos resultados que produz.

Vamos começar!

O valor do seu trabalho está relacionado com o alinhamento abaixo:

Qual é o seu Potencial?

Aqui você irá escrever a sua expertise, suas competências e principalmente o seu talento. Se você pensa que é difícil achar um talento ou que não nasceu com nenhum, responda: O que você faz muito bem e com facilidade que outras pessoas não conseguiriam ou demorariam para realizar?

O que você ama no que faz e se sentiria bem para servir ao outro?

Como você Agrega Valor?

Após identificar sua expertise, escreva: Como pode agregar valor para o seu cliente? Qual é o diferencial do seu trabalho? Quais são os benefícios que gera?

É importante ressaltar que pessoas podem inspirar com seus exemplos, mas não podemos copiá-las, pois quando divulgar o trabalho o seu comportamento deve ser natural e autêntico.

Quais são os valores do trabalho?

Valores é a bússola para evitarmos os dilemas da vida, ou seja, quando designamos os valores do nosso trabalho transmitimos segurança e excelência nos resultados.

De acordo com essa linha de pensamento identifique os três principais valores da sua atividade e descreva um significado para cada um. A descrição permite apontar quais ações serão essenciais para o comprimento desses valores.

Como comunico meu valor?

O pensamento que você tem sobre seu trabalho influencia sua postura que impacta fortemente na imagem que seu cliente recebe de você!

Imagine uma pessoa oferecendo um serviço especializado para uma empresa de grande porte abordando o cliente dessa forma: “Somos uma pequena empresa que desenvolve projetos para desenvolver pessoas…”. Talvez, nessa introdução o cliente não sinta segurança em fechar um contrato por acreditar que a “pequena empresa” não dê o suporte necessário que eles precisam.

Temos uma tendência de não valorizar nosso potencial, e respondendo às perguntas a seguir é uma maneira de fortalecer sua comunicação: Quais as necessidades dos clientes e como as satisfaço? O que eu faço que ninguém mais faz? Quais os problemas que resolvo para os clientes?

Como mensuro meus resultados?

Quando abordamos resultados financeiros podemos calcular o valor aplicando ROI (retorno do investimento):

Exemplo: Se investirmos R$ 1.000 e tivermos um lucro de R$ 100, isso equivale a um retorno de 10% sobre o investimento. Se o seu ROI for de 100%, quer dizer que você dobrou o investimento inicial.

Se você não tem os dados para medir os seus resultados com a fórmula acima, de forma simplista pode conferir se atingiu os objetivos planejando as suas metas com a ferramenta SMART, como na imagem abaixo:


Fonte da imagem: http://rodrigoseo.com.br/plano-de-marketing/

A definição do seu valor é estipulada pelo retorno que seus clientes obtêm do seu potencial e não por um “achismo”.

O que pode limitar os seus ganhos e “sujar” o seu valor no mercado?

Suas crenças, medos e inseguranças semelhantes aos pensamentos: “Eu não sei me vender”, “Não gosto de divulgar meus feitos”, “Os resultados falam por si”, “Será que meu trabalho valeu tudo isso?”, “E se ninguém aceitar meu preço?”, “Será que realmente sou boa nisso?”

O mundo precisa de pessoas com talentos e dedicação para suprir necessidades que por si, não conseguem realizar, ou seja, você é responsável por criar oportunidades para ofertar seu trabalho e ser bem remunerado por isto.

Concluindo, te convido a colocar em prática esse alinhamento de valor do seu potencial a fim de propor a si mesmo um futuro de infinitas possibilidades e concretização de sonhos.

Grande abraço,

Mayra Soares

Mayra Soares Author
Mayra Soares tem 11 anos de experiência profissional em Gestão e Desenvolvimento de Pessoas. É Mentora pela Erlich Consultoria, Trainer Comportamental pelo Instituto de Formação de Treinadores (IFT), Master Coach com especialização em Business and Executive Coaching e Professional and Self Coaching, Consultora Analista Comportamental e Avaliação 360º certificada pelo Instituto Brasileiro de Coaching (IBC), Behavioral Coaching Institute (BCI), International Coaching Council (ICC), European Coaching Association (ECA), Global Coaching Community (GCC), International Association of Coaching (IAC), Metaforum International e International Association of Coaching Institutes, Practitioner em PNL pela SCORE e Leader Coach pela Ellite Consultoria. Graduada em Gestão de Recursos Humanos, Pós-graduada Docência no Ensino Superior e Pós-Graduanda em Essencial Master Coaching. Coautora dos livros COACHING NAS EMPRESAS – Estratégias de Coaching para o ambiente corporativo e RH Trabalho e Aprendizado.
follow me
Neste artigo


Participe da Conversa