fbpx

Você está preparado para lidar com a diversidade na sua empresa?

Quando abordamos o tema diversidade nas organizações é comum imaginar que estamos falando de inclusão de pessoas com deficiência, porém é importante pontuar que diversidade, como o próprio nome diz, é algo muito mais amplo!

Quando abordamos o tema diversidade nas organizações é comum imaginar que estamos falando de inclusão de pessoas com deficiência, porém é importante pontuar que diversidade, como o próprio nome diz, é algo muito mais amplo uma vez que trata da inclusão de Negros, Homossexuais, Transgêneros, pessoas acima de 40 anos, mulheres, pessoas com deficiência, gerações, classes socioeconômicas, credo, origem geográfica, multiculturas.

Pesquisas mostram que uma empresa que promova a diversidade tem resultados melhores, por exemplo, uma pesquisa da Hay Group mostra que quanto mais as empresas promovem a diversidade maior é a abertura para inovar e propor ideias.

Este cenário é cada vez mais comum dentro das organizações e você está preparado para lidar com a diversidade?

Saber lidar com as diferenças é uma competência cada vez mais valorizada nas organizações, ou seja, atuar de forma harmoniosa com a diversidade é benéfico para todos envolvidos, inclusive você.

Despir-se de todo e qualquer preconceito e compreender que por trás de cada grupo social existe uma pessoa como você é fundamental. O preconceito é uma ideia preconcebida baseada num estereótipo que muitas vezes pode assumir um sentimento e atitudes hostis perante o outro e certamente não tem mais espaço no século XXI.

As generalizações e piadinhas também devem ser evitadas. A base de toda relação é o respeito, então você pode até não aceitar determinados grupos, mas deve respeitar.

Se você ocupa um cargo de liderança, sua responsabilidade é dobrada, pois será um facilitador do processo de inclusão de todos estes profissionais e deve ser o primeiro a dar exemplo. Se notar algum conflito na equipe de imediato deve intervir para que a harmonia prevaleça.

Alguns grupos têm certas particularidades que é bom você saber. Um transgênero deve ser tratado pelo seu nome social. Uma pessoa com deficiência dependendo da sua limitação haverá algumas regras de convivência, como por exemplo, uma maneira correta de conduzir um cego ou cadeirante, de se comunicar com um surdo ou pessoa com deficiência intelectual. Diferentes culturas têm diferentes hábitos, crenças que devem ser respeitados. Na dúvida, pergunte.

Tenho certeza que ao se permitir atuar com grupos diversos terá uma grata surpresa em relação aos resultados alcançados e aprendizados.

Pós-graduando em Direitos Humanos, Responsabilidade Social e Cidadania Global pela PUC RS, Pós-Graduado em Tecnologia Assistiva pela Fundação Santo André/ITS Brasil/Fundação Don Carlo Gnocchi (Itália/Milão). Pós-graduado em Psicologia Organizacional pela UMESP e Graduado em Psicologia pela UNIMARCO. Extensão em Gestão de Diversidade pela PUC (Trabalho final: “O impacto do imaginário dos líderes no processo de diversidade e inclusão nas organizações”), Credenciado em Holomentoring, Coaching e Advice pelo Instituto Holos. Formação em Coaching Profissional pela Crescimentum. Formado como analista DISC. Vivência de 30 anos na área de RH, em subsistemas como Recrutamento & Seleção, Treinamento, Qualidade, Avaliação de Desempenho e Segurança do Trabalho.Desempenhou papéis fundamentais em empresas como Di Cicco., Laboratório Delboni Auriemo, Wal Mart, Compugraf, Mestra Segurança do Trabalho. Atualmente é Diretor da TRAINING PEOPLE responsável pela estratégia e coordenação de equipe multidisciplinar especializada em temas como Diversidade, Liderança e Gestão, Vendas, Educação Financeira, Comunicação, Turismo e Segurança do Trabalho.É Vice Presidente de Diversidade e Inclusão e Líder do Comitê de Diversidade e Inclusão da ABPRH – Associação Brasileira de Profissionais de Recursos Humanos, Presidente e Fundador do Instituto Bússola Jovem, projeto social com foco em jovens de baixa renda que tem por missão transformar vidas através da Educação, Trabalho e Carreira. Colunista das Revista Cloud Coaching. Coautor do livro: Segredos do sucesso: da teoria ao topo – histórias de executivos da alta gestão e do livro Gestão Humanizada de Pessoas.
follow me
Neste artigo


Participe da Conversa