fbpx

Vendas ou Invasão de Privacidade?

Sábado, bem cedo, aquele friozinho que faz você pensar se levanta da cama ou fica mais 5 minutos debaixo da coberta quentinha. Então trimmmm... trimmmm, o telefone toca. Será algo urgente? Você levanta, atende ao telefone e descobre que é alguém vendendo um produto. O que dizer sobre isso?

Sábado, um dos poucos dias em que me dou o direito de dormir até mais tarde, aquele friozinho me faz travar uma guerra interior: levanto da cama ou ficar mais 5 minutos debaixo da coberta quentinha. Depois de muito pensar, decido pela segunda opção, me acomodo, encontro a posição certa e trimmmm…trimmmm, o telefone toca.

O telefone distante da cama, fico pensando quem poderia ser, penso em ignorar, mas ele toca insistentemente. E se for alguma urgência familiar? Levanto meio a contragosto e atendo o telefone. Eis que o Moacyr Franco me liga para vender um produto que promete vários benefícios para meu organismo. Pensa na minha cara de felicidade!!!

Este tipo de estratégia não é exclusivo desta empresa, outras tantas utilizam este método para vender seus produtos. As operadoras de telefonia e Ongs também são mestres neste tipo de abordagem.

Não sei vocês, mas acho bastante invasivo e até hoje não tive uma pessoa que admitisse gostar. Sempre atendo educadamente, quando não é uma gravação, e explico que não quero mais receber as ligações, mas a solicitação é sempre ignorada.

Sofri por muito tempo com este tipo de abordagem até descobrir que o Procon tem um serviço de bloqueio de “ligações indesejadas”. O cliente entra em contato com o Procon da cidade, avisa que não quer receber mais nenhuma propaganda via telefone, e o órgão encaminha o número para o operador desse sistema do ‘não perturbe’. Assim, o telefone fica cadastrado nesse bloqueio, não recebendo nenhuma ligação de propaganda.

Entendo que as ligações são automáticas, realizadas por Call Center e que há a possibilidade de bloquear o número para chamadas, mas fico pensando o quanto este tipo de estratégia é eficaz e porque é o cliente dentro da sua residência, um espaço que deveria ser considerado sagrado, deve ter a iniciativa de pedir o bloqueio.

Se o conceito que procuramos passar é da excelência no atendimento ao cliente, que significa atender o cliente no grau mais alto e que, necessariamente, passa por satisfazer o cliente, tornar sua experiência positiva, certamente a estratégia está divergente e bastaria o famoso “semancol” das empresas para perceber que mais afastam do que atraem os clientes com tais estratégias.

Para os paulistas que quiserem se livrar do recebimento de ligações do telemarketing, basta clicar no endereço do Procon SP (http://www.procon.sp.gov.br/BloqueioTelef/index.asp), cadastrar seus dados e solicitar o bloqueio.

Pós-graduando em Direitos Humanos, Responsabilidade Social e Cidadania Global pela PUC RS, Pós-Graduado em Tecnologia Assistiva pela Fundação Santo André/ITS Brasil/Fundação Don Carlo Gnocchi (Itália/Milão). Pós-graduado em Psicologia Organizacional pela UMESP e Graduado em Psicologia pela UNIMARCO. Extensão em Gestão de Diversidade pela PUC (Trabalho final: “O impacto do imaginário dos líderes no processo de diversidade e inclusão nas organizações”), Credenciado em Holomentoring, Coaching e Advice pelo Instituto Holos. Formação em Coaching Profissional pela Crescimentum. Formação em Facilitação Digital pela Crescimentum, Formação em RH e Mindset Ágil pela Crescimentum. Formado como analista DISC. Vivência de 30 anos na área de RH, em subsistemas como Recrutamento & Seleção, Treinamento, Qualidade, Avaliação de Desempenho e Segurança do Trabalho. Desempenhou papéis fundamentais em empresas como Di Cicco., Laboratório Delboni Auriemo, Wal Mart, Compugraf, Mestra Segurança do Trabalho. Atualmente é Diretor da TRAINING PEOPLE responsável pela estratégia e coordenação de equipe multidisciplinar especializada em temas como Diversidade, Liderança e Gestão, Vendas, Educação Financeira, Comunicação, Turismo e Segurança do Trabalho. É Vice-presidente de Diversidade e Inclusão e Líder do Comitê de Diversidade e Inclusão da ABPRH – Associação Brasileira de Profissionais de Recursos Humanos, Presidente e Fundador do Instituto Bússola Jovem, projeto social com foco em jovens de baixa renda que tem por missão transformar vidas através da Educação, Trabalho e Carreira. Colunista das Revista Cloud Coaching. Coautor do livro: Segredos do sucesso: da teoria ao topo – histórias de executivos da alta gestão pela Editora Leader e do livro Gestão Humanizada de Pessoas pela Editora Leader. Coordenador e coautor do livro Diversidade em suas múltiplas dimensões pela Editora Literare Books.
follow me
Neste artigo


Participe da Conversa