Um segredo para a produtividade!

Você define suas prioridades logo pela manhã? Sabe identificar quais trarão mais resultados, incluindo os financeiros? Para sermos produtivos, devemos encontrar aquilo que nos move e o que funciona para nós.

Como leitor compulsivo de blogs e estudos sobre o comportamento humano nas organizações, acabei recebendo como referência uma postagem de Horling Wong, profissional asiática envolvida com o Coaching e a Consultoria. Ainda que suas ideias não tivessem a embalagem científica, eu me interessei pela forma simples de ela tratar o tema Produtividade.

Aliás, o que chama atenção também é a associação com a expressão “um segredo”… Pois bem, agora não mais será um segredo e muita gente poderá refletir sobre o que ela postou. Wong começa por perguntar: você define suas prioridades logo pela manhã? Você sabe identificar que iniciativas lhe trarão mais resultados, incluindo os financeiros? Para sermos produtivos, Wong afirma, devemos encontrar aquilo que nos move e o que funciona para nós.

Ser produtivo não equivale a fazer trabalho pesado, mas sim fazer o trabalho que importa e que é significativo para você. Não é questão definida por números arbitrários ou medidas impostas por outros. A produtividade é sobre concluir projetos que são importantes para a expansão do seu negócio ou trabalho. Um passo fundamental é abrir espaço para a criatividade fluir e identificar as ações mais importantes que, também, estão alinhadas com a sua visão de valor. E atenção: não se trata apenas de fazer as “coisas” mas, principalmente, proteger-se de “coisas” que não importam ou não fazem sentido.

Aí surge a questão fundamental: ter Disciplina. Isso é necessário para eliminar a distração mental, um dos piores drenos de energia que aparecem sob a forma de trabalho pesado e sem foco.  Você começa a desenvolver tarefas que os outros fazem você pensar que são muito importantes mas, realmente, não são nada relevantes para você. Para ter Disciplina nada melhor do que exercitar o seu Discernimento.

Somos tentados a fazer coisas desnecessárias porque os “gurus” dizem ou nossa concorrência está fazendo, mas isso é certo para você? Será que vai levá-lo onde você quer ir? Você sabe dar respostas sobre o seu negócio, os seus objetivos, a sua missão? Comece a criar a luz que guia e filtra suas prioridades para tomar decisões. Você não vai tomar uma decisão só porque se trata do seu jeito ou porque os outros dizem que você “tem que”. A ação que você escolher vai aproximar do melhor alinhamento desejado (o melhor aproveitamento possível de seu tempo, dinheiro e energia).

A capacidade de Discernimento irá ajudar a perseguir os objetos mais brilhantes, a manter os olhos sobre os caminhos que está trilhando. Tenha consciência de estar fazendo o que deve e não o que lhe é sugerido pelo ambiente. E ainda mais, se você está sendo sugado(a) para as mídias sociais ou fazendo algo que não lhe dá resultados, lembre-se de que uma produtiva agenda não precisa, necessariamente, ser extenuante. Nós podemos “produzir” o suficiente, se temos tempo suficiente, o que sugere a mensagem firme de se orientar melhor nas escolhas e permanecer no caminho correto.

Agora é a sua vez de refletir sobre esses pontos e buscar sua produtividade de forma a criar liberdade para expressar plenamente a sua criatividade e missão através de seus negócios e/ou do seu trabalho. Como anda o seu Discernimento? E a sua Disciplina? Vamos tentar?

Mario Divo Author
Mario Divo tem incrível experiência profissional, tendo chegado a meio século de atividade ininterrupta, em 2019. É PhD e MSc pela Fundação Getulio Vargas, com foco em Gestão de Negócios, Marcas e Design, Marketing e Comunicação Corporativa. Tem formação como Master Coach, Mentor e Adviser pela Sociedade Brasileira de Coaching e pelo Instituto Holos. Consultor credenciado para aplicação do diagnóstico meet® (Modular Entreprise Evaluation Tool), Professor e Palestrante. CEO e Coordenador Executivo da plataforma Dimensões de Sucesso, acumulando com o comando da MDM Assessoria em Negócios. Foi Diretor Executivo do Automóvel Clube Brasileiro e Clube Correspondente da FIA – Federação Internacional do Automóvel, no Brasil. Foi titular do Planejamento de Comunicação Social da Presidência da República (1997-1998) e, anteriormente, comandou a Comunicação Institucional da Petrobras. Liderou a Comunicação Institucional e a Área de Novos Negócios da Petrobras Internacional. Foi Presidente da Associação Brasileira de Marketing & Negócios, Diretor da Associação Brasileira de Anunciantes e, também, Conselheiro da Câmara Brasileira do Livro. Primeiro brasileiro no Global Hall of Fame da Aiesec International, entidade presente em 2400 instituições de ensino superior em 126 países e territórios, voltada ao desenvolvimento das potencialidades das jovens lideranças em todo o mundo.
follow me
Neste artigo


Participe da Conversa