Sonhe!

Você já observou à sua volta pessoas que estão a todo instante começando alguma coisa? O quanto você tem sonhado? Quantas vezes concluiu seus projetos ou os deixou pelo meio do caminho?

Você já observou à sua volta pessoas que estão a todo instante começando alguma coisa? De tempos em tempos, iniciam novos projetos, mudam seus sonhos. Raramente, ou nunca concluem seu planejamento. Num determinado momento, abraçam uma nova ideia e dispersam sua energia, dando inicio a um novo ciclo de começo.

A falta de visão e compromisso com os sonhos leva pessoas à repetição deste padrão de comportamento. Uma dificuldade de se reconhecer, valorizar sua própria identidade, afirmar-se diante das circunstâncias. Quem não conhece a si próprio, fica vulnerável diante dos acontecimentos do dia a dia e facilmente muda o foco dos seus esforços, aceitando o que lhe é momentaneamente oferecido.

Acontece que o sucesso não está em quantas coisas começamos, mas em quantas terminamos. E para terminar, precisamos de perseverança. A abundância está em perseverar. Parafraseando o ditado: “não importa como você começou, e sim como irá terminar”.

Não concluir um plano, abandoná-lo ao longo do caminho é devastador para a autoestima e coloca em risco toda a percepção de uma pessoa acerca das suas capacidades. Infelizmente nossa cultura contribui para esse cenário, pois muitas vezes nossos sonhos e visão de futuro são ridicularizados por pessoas à nossa volta, familiares e amigos que acreditam estar nos protegendo da frustração. Mesmos aqueles que resistem às opiniões contrárias, correm o risco de se submeter a elas quando surgem os desafios.

Pessoas de sucesso são aquelas que resistem à influência externa. Perseveram em busca dos seus objetivos, mesmo quando as circunstâncias atrapalham, pois possuem uma visão clara de futuro. E esta visão, este sonho, os levam a construir sua própria realidade. Primeiramente no ambiente interno deles mesmos e, naturalmente, no seu exterior.

O quanto você tem sonhado?

Quantas vezes concluiu seus projetos, ou os deixou pelo meio do caminho?

Reflita até que ponto a vida que você vive hoje reflete perseverança ou desistência. E decida como quer se ver num futuro breve!

Sheila Berna Author
⚙️ Sheila Berna
Sheila Berna é Psicóloga pela USP, Especialista em Orientação de Carreira pela USP, Master Coach pela FEBRACIS, Consultora e Palestrante. Com mais de 12 anos de experiência em atendimento individual, há 5 anos trabalha desenvolvendo lideranças e equipes. Residente do Vale do Paraíba, atuou em diferentes projetos da região assim como em São Paulo e Rio de Janeiro. Empreteca, apoia o movimento dos Empretecos do Vale do Paraíba, contribuindo para a organização de eventos relevantes ao empreendedorismo da região.
follow me
Neste artigo


Participe da Conversa