Anúncios

Seja verdadeira com você

Não se sente coerente com o que está dentro de você? Vale realmente a pena continuar mentindo com relação ao que sente? Como ser verdadeira consigo mesma?

como ser verdadeira

Como ser verdadeira consigo mesma?

A palavra verdade pode ter vários significados, desde “ser o caso”, “estar de acordo com os fatos ou a realidade”, ou ainda ser “fiel às origens ou a um padrão”. Usos mais antigos abrangiam o sentido de fidelidade, constância ou sinceridade em atos, palavras e caráter. (Wikipédia)

O ser humano é educado para mentir, desde a tenra idade.

Vou explicar melhor, por exemplo; quando você era uma criança, te deram um presente, mas você não tinha gostado dele, no entanto seus pais te disseram, agradeça, “sorria” e seja gentil. Daí você ficou chateada, porque realmente não tinha gostado, mas seus pais ainda reforçaram: Devia ser grata, que coisa feia, menina, não pode agir assim. Nada contra a gratidão ela é bem-vinda em todas as situações, no entanto me refiro ao “sorria”, porque a verdade era que por dentro você não estava feliz. Seus pais fizeram o melhor que puderam, não são culpados, só repassaram o que aprenderam. No entanto, ensinaram a falsidade (sei que pode parecer pesado, mas tranquilize o seu coração e prossiga comigo), “mesmo não gostando do presente, “sorria” e agradeça menina”, foi o que eles te disseram. Afinal o que os outros vão pensar não é?!

Então, desde cedo fomos criados para mentir, não só para os outros, mas principalmente para nós.

Pense comigo, você está em uma situação complicada, mas mente para si e finge estar bem. Mas só você sabe como está por dentro.

A cura vem com a verdade, seja verdadeira com você, aceite os fatos e o que a vida tem te mostrado. A verdade sempre aparece de uma forma ou de outra.

Pratique a verdade, se gostar, você gostou. Caso contrário não se force. Sei que demanda trabalho, dedicação e disciplina, mas se não conseguir sozinha tem a opção de contratar um profissional para te auxiliar nesta caminhada, rumo à sua verdade.

Coloque na balança o preço que já pagou e ainda paga, por não ser coerente com o que sente dentro de você. Será que realmente vale a pena continuar mentindo, com relação ao que sente?

Leve a sério o seu autoconhecimento, pare, respire e esteja com você. Fique em silêncio e se ouça, todas as respostas surgem no silêncio. Reflita!

Seja feliz agora, do seu jeito, vivendo a sua verdade.

Abraços,

Adriana
http://totalmentemulher.com.br/

 

Adriana Mantana é Terapeuta, Escritora e Palestrante. Com formações em Life, Executive e Master Coach (ABC), Terapeuta ThetaHealer® (THINK/Thetahealing Institute of Knowledge), Terapeuta e facilitadora de Barras de Access™ (Access consciousness), Mestre em Reiki Usui, Oneness Deeksha Giver (Oness University). Facilitadora de cursos online e presenciais.
follow me
Anúncios
Neste artigo


Participe da Conversa