fbpx

Segredo da saúde financeira: Sonhar!

Muito se fala em crise, cortes de gastos e outros aspectos relacionados ao momento econômico do país. Isso é verdade e devemos ficar atentos, mas esse período não é só problema, também é uma oportunidade para aprender.

Muito se fala em crise, cortes de gastos e outros aspectos relacionados ao momento econômico do país. Tudo isso é verdade e devemos mesmo ficar atentos, nos planejando melhor para amenizar as consequências à nossa saúde financeira. Mas esse período não é só problema, também é uma oportunidade para aprender coisas novas e crescer com educação financeira.

Aposto que muitos de vocês já leram diversos textos sobre como realizar um bom orçamento financeiro, já usaram caderninhos, planilhas, aplicativos, etc. para tentar controlar da melhor maneira as finanças. Mas em algum deles você foi ensinado a priorizar seus sonhos/objetivos/metas em vez das despesas do dia a dia?

Eu acho que não, por isso, hoje quero apresentar-lhes uma nova maneira de fazer um orçamento, garantindo que você tenha mais realizações de vida, mesmo em tempos difíceis economicamente falando. Comecemos assim: Ganhos (-) Sonhos (-) Gastos. Assim, já se retira o valor para realizar os sonhos e, depois, com o que sobrar, se passa o mês.

Como podemos perceber, terá que ser feita uma readequação das despesas, sem dúvida nenhuma. A princípio, pode parecer que o padrão de vida foi reduzido, mas na verdade, coisas maiores estarão em primeiro plano, o que diminuirá são os gastos impulsivos e imediatistas. Dessa forma, estará praticando o consumo consciente, realizando sonhos e se educando financeiramente, tudo de uma só vez.

Bom, né? E não há hora melhor para fazer essa mudança do que no meio de uma crise, pois nos força a tomar certas atitudes. Entendida essa parte então, é hora de falar sobre os sonhos. Eu sempre digo que é interessante listar pelo menos três: um de curto (até um ano), um de médio (de um a dez anos) e outro de longo prazo (acima de dez anos).

Pesquise bastante o preço deles, tanto internet quanto loja física, analise as condições de pagamento e anote o menor valor que conseguir encontrar – mas cuidado, o barato pode sair caro; avalie com cuidado e prime pela segurança de onde está comprando, principalmente se for em ambiente virtual. A partir daí, realize um diagnóstico financeiro para saber a movimentação de suas finanças e quanto poderá poupar mensalmente para cada um dos sonhos.

Muita gente vai dizer que é impossível fazer isso, mas com o diagnóstico é possível ver para onde está indo cada centavo do dinheiro e diminuir – ou até cortar – algumas despesas em excesso ou supérfluas, redirecionando esses valores ao que realmente importa. Se a situação financeira estiver realmente complicada, pode começar com menos sonhos. Um deles, inclusive, pode ser o de sair das dívidas, mas não pode ser o único, afinal de contas, o intuito é trazer mais realizações, felicidade e prazeres para a vida. Vamos nessa?

Reinaldo Domingos é PhD em Educação Financeira, presidente da Associação Brasileira de Educadores Financeiros (Abefin) e da DSOP Educação Financeira. Está a frente do canal Dinheiro à Vista, é colunista do de diversos meios de comunicação. Autor de diversos livros sobre o tema, como o best-seller Terapia Financeira e o livro Empreender Vitorioso.
follow me
Neste artigo


Participe da Conversa