Anúncios

O verdadeiro poder do Agora

Você já parou para pensar na importância do nosso Presente? Tente se ouvir e prestar atenção em sua vida, ao seu redor. Pare por um momento e perceba se as ações que você vem tendo estão de acordo com suas vontades, seus valores, seu verdadeiro projeto de vida.

Gostaria de escrever e compartilhar com vocês um aprendizado que tive na prática: a importância do nosso presente. O verdadeiro poder do “Agora”.

Tente se ouvir e prestar atenção em sua vida, ao seu redor. Pare por um momento e perceba se as ações que você vem tendo estão de acordo com suas vontades, seus valores, seu verdadeiro projeto de vida…

Estive de férias neste mês de janeiro, e pela primeira vez na minha vida me dei de presente descansar e viver o meu agora. Os problemas continuavam no mesmo lugar, as responsabilidades ficaram me esperando voltar de viagem e tentei realmente viver minhas férias, o meu presente, sem preocupações. Sempre que a mente ou alguma mensagem referente à minha rotina chegava eu dizia para mim mesma: “Calma que quando voltares tudo vai se resolver, você vai poder dar atenção para cada compromisso”. E foi assim que fiz: Vivi o meu agora!

Fiquei fora do Brasil por 20 dias e foi uma experiência incrível. Foi especial demais cada momento vivido, conheci lugares incríveis cheios de histórias, beleza e energia. Mas realmente mágico para mim foi compartilhar experiências com outras pessoas que também estavam em viagem aproveitando o seu momento, dividindo suas histórias, vivências, memórias e o mais importante: extremamente livres… Cada um que tive o prazer de conhecer estava aberto para o novo e de uma forma muito entregue: Entregues para o Agora!

Claro que consegui refletir sobre tudo isso só após meu retorno e confesso que me fez pensar muito sobre a minha vida e as ações que eu estava tendo comigo mesma.

Nós, profissionais que trabalham com o Coaching, aprendemos a focar nos objetivos e metas que cada pessoa tem. Trabalhamos em função de colaborar com o outro através do diálogo socrático juntamente com técnicas e ferramentas para buscar estimular um pensamento mais estratégico e saber lidar melhor com suas emoções a fim de elevar o seu poder de enfrentamento, aumentar a sua capacidade de enfrentar desafios, ter uma atitude mental mais positiva e promover ações mais criativas e menos reativas.

Confesso que todo o aprendizado que tive nesses últimos anos trabalhando nesta área me desenvolveu muito e me levou a pensar mais estrategicamente a fim de conduzir minhas ações em direção ao meu objetivo final. Com certeza, ter um caminho a seguir torna a vida mais leve no sentido de saber para aonde queremos ir e de certa forma direcionar nossas ações e ter mais clareza ao tomar decisões. Afinal somos responsáveis por toda escolha, decisões e ações que tomamos em nossas vidas e a cada consequência que delas resultar.

Uma coisa importante a ser dita é que essas metas e objetivos podem mudar ao longo do nosso caminho e não existe problema algum se isso vier acontecer. Às vezes é necessário alterar todo o planejamento que foi construído para desenvolver um novo “plano de voo”. E é preciso coragem para enxergar as conquistas e abrir mão de algumas delas para construir um novo caminho. E que sabedoria, que poder de enfrentamento, que sensação de liberdade e desprendimento você abrir mão dessas conquistas e partir para algo novo confiando nos seus aprendizados que trouxeram maturidade suficiente para abrir mão daquilo que não faz mais tanto sentido.

Certa vez li uma reportagem de uma enfermeira australiana que recolheu relatos e histórias dos seus pacientes com cuidados paliativos e que escreveu um livro com os 5 maiores arrependimentos antes de morrer, compartilho com vocês e convido a refletirem sobre. São eles:

  • “Gostaria de ter tido coragem de viver uma vida fiel a mim mesmo, e não a vida que os outros esperavam de mim.”
  • “Gostaria de não ter trabalhado tanto.”
  • “Eu gostaria de ter tido coragem de expressar meus sentimentos.”
  • “Eu gostaria de ter mantido contato com meus amigos.”
  • “Eu gostaria de ter me deixado ser mais feliz.”

Espero que este texto colabore para que você faça algumas reflexões e os ajustes em seu “plano de voo”. Lembre-se que nada é eterno. Cada ação que tomamos traz consigo um resultado e com ele as aprendizagens necessárias para aplicar uma melhoria e ajustar a estratégia para uma nova ação. Não precisa ter mudanças drásticas, silencie-se e preste atenção ao seu coração. Despeço-me, por um breve período de vocês, para um novo “voo” em minha vida. Obrigada por todo carinho e gratidão pelos aprendizados.

Grazi Paim Author
Grazi Paim é administradora, formada pela ESAG na Universidade do Estado de Santa Catarina, Coach de Excelência com especialização nos módulos: Coaching de Excelência Avançado I e II, Executivo, Empresarial, Esporte, Competência Emocional e Alto Rendimento Esportivo e Corporativo realizados pela Academia Emocional – São Paulo/SP. Possui especialização em Gestão do Trabalho e Educação na Saúde pela Escola de Saúde Pública de Santa Catarina e possui mais de dez anos de experiência como funcionária pública na Saúde do Estado de Santa Catarina. É coach fundadora e Diretora Executiva da Grazi Paim Coaching e idealizadora do “Método Emagreça Pensando”. Atualmente graduando Nutrição.
follow me
Anúncios
Neste artigo


Participe da Conversa