fbpx

Nosso melhor ainda melhor

A performance de hoje é fruto do aprendizado do passado. A performance de amanhã é o produto do aprendizado de hoje. Pensamos em melhorar a cada dia os pilares importantes da nossa vida. Mas como melhorar?

“A performance de hoje é fruto do aprendizado do passado. A performance de amanhã é o produto do aprendizado de hoje”  (Bob Guns)

Acredito que você, como eu, pensamos em melhorar a cada dia os pilares importantes da nossa vida. Mas como melhorar?

Assistindo à palestra de Eduardo Briceño aprendi que existem duas zonas a serem trabalhadas afim que essa melhoria seja contínua e efetiva. São elas:

Zona de desempenho:  é quando determinamos fazer o melhor, usamos as habilidades e competências já adquiridas. Nessa zona o foco está em executar, entregar resultado e minimizar erros.

Zona de aprendizagem: é quando despertamos a vontade de crescer e melhorar aquilo que já somos. Essa etapa está focada em realizar atividades diferentes no intuito de agregar para a performance da zona de desempenho.

Para elevar o nosso melhor é necessário responder três questões:

  1. Qual é o objetivo de melhorar?
  2. Em qual zona está o nosso foco?
  3. Qual é a sua expectativa sobre a melhoria?

Os melhores resultados para progredir no que é importante é influenciado pela vivência da zona de aprendizagem. Por esse motivo ressalto que você precisa acreditar, ter um propósito e saber onde quer melhorar.

Abaixo está um exemplo de como a Beyoncé aproveita as zonas de aprendizagem e desempenho:

Durante o show, ela e sua equipe entregará o melhor para atingir as expectativas geradas (zona de desempenho), no dia seguinte, ela e a equipe assistem à gravação do show para analisar quais foram os acertos e o que podem melhorar na próxima apresentação. Identificando, buscam atividades para treinar e aumentar a sua performance (zona de aprendizagem).

A zona de aprendizagem permite muitos avanços, no entanto devemos estar atentos em aplicar os conhecimentos e habilidades adquiridas na zona de desempenho, pois podemos viver em ambientes onde praticar algo novo sem ter experiência pode ocasionar riscos.

Para diminuir os riscos, crie oportunidades para desenvolver a sua melhoria associando a pessoas referências no que quer desenvolver, através de cursos, estudos, livros, etc.

A zona de aprendizado pode ser despertada no momento que permitir a explorar o que quer, perguntar e ouvir a respeito, experimentar, praticar, refletir e aplicar.

Grande abraço,

Mayra Soares

Mayra Soares Author
Mayra Soares tem 11 anos de experiência profissional em Gestão e Desenvolvimento de Pessoas. É Mentora pela Erlich Consultoria, Trainer Comportamental pelo Instituto de Formação de Treinadores (IFT), Master Coach com especialização em Business and Executive Coaching e Professional and Self Coaching, Consultora Analista Comportamental e Avaliação 360º certificada pelo Instituto Brasileiro de Coaching (IBC), Behavioral Coaching Institute (BCI), International Coaching Council (ICC), European Coaching Association (ECA), Global Coaching Community (GCC), International Association of Coaching (IAC), Metaforum International e International Association of Coaching Institutes, Practitioner em PNL pela SCORE e Leader Coach pela Ellite Consultoria. Graduada em Gestão de Recursos Humanos, Pós-graduada Docência no Ensino Superior e Pós-Graduanda em Essencial Master Coaching. Coautora dos livros COACHING NAS EMPRESAS – Estratégias de Coaching para o ambiente corporativo e RH Trabalho e Aprendizado.
follow me
Neste artigo


Participe da Conversa