Anúncios

Fatores da Maestria Pessoal do Coach e Mentor

Você já ouviu falar do modelo do Cérebro Triúno, formulado pelo americano Dr. Paul Mclean? Conheça a abordagem dos três cérebros na maestria do Coach e Mentor.

460
460

Apresento, agora, um referencial para o desenvolvimento da Maestria Pessoal do Coach/Mentor. Utilizo três campos mentais: a mente Racional, Emocional e Operacional, segundo o modelo do Cérebro Triúno, formulado pelo americano Dr. Paul Mclean. Este conjunto de qualidades é a base que pode gerar ou fazer crescer a Maestria Pessoal de um Coach e Mentor.

1. MENTE RACIONAL- hemisfério esquerdo

Refere-se, principalmente, ao conhecimento e grau de discernimento. Contém a cognição, conceitos, fala, a lógica e a mentalidade.

* Visão holossistêmica

É a conjugação da visão holística com a sistêmica. A primeira é ampla, abrangente, global, percepção do Todo e este Todo que se repete na parte em escala menor. A visão sistêmica se refere à interconexão entre as partes, formando uma espécie de rede complexa onde tudo está interligado.

Esta visão é a maior ou mais ampla possível ao Ser Humano, ela é libertadora e supera visões menores ou restritas, como as visões reducionistas, mecanicistas, dicotômicas ou parciais. A Maestria Pessoal de um Coach e Mentor está diretamente ligada à abordagem de temas com visão holossistêmica.

* Foco em soluções

Refere-se em não se prender a “resolver problemas”, mas focar nas soluções. O foco também significa em atuar na origem e não nas consequências de uma questão.

* Objetividade

Requer vigilância e conexão com a necessidade real do cliente.

* Consciência da visão

Refere-se à clareza e discernimento da mentalidade com a qual o Coach e Mentor atuam, bem como evitar o surgimento de mentalidades restritas, que podem bloquear ou criar dificuldades no processo de Coaching e Mentoring.

2. MENTE EMOCIONAL – hemisfério direito

Refere-se ao processo mais profundo de Automotivação, que está ligado às emoções, sentimentos, sensibilidade, intuição e à tomada de decisão. A Automotivação é essencialmente vivencial, que está além dos conceitos.

* Intuição

Este é um dos aspectos mais importantes do hemisfério direito, e também primordial na atividade do Coach/Mentor, pois é necessário captar o cliente como um Todo e perceber a melhor forma de atuação. A Maestria em Coaching e Mentoring é em torno de 80% o uso da intuição e apenas 20% o uso de ferramentas ou de conhecimentos racionais. A paz interna, a intuição e a geração de um clima de interação e confiança permitem o acesso do cliente à sabedoria interior, onde já estão prontas e elaboradas as respostas e soluções. A Maestria Pessoal do Coach e Mentor possibilita o acesso ao “saber” através da captação intuitiva (insights) durante as atividades.

* Centramento

A postura centrada do Coach e Mentor é a vivência do “aqui-agora” – estar presente no momento – o que leva a uma pacificação pessoal, porém sem omissão frente aos acontecimentos. A pessoa centrada enxerga além da competição, dos jogos de poder, medos, inseguranças, gerando um clima de paz e compreensão durante as atividades.

* Compreensão e generosidade

Um Coach e Mentor acolhe o cliente no estado em que estiver e não o julga. Compreende as necessidades mais profundas do ser humano, que é a busca de felicidade. A partir disto, inicia o trabalho com paciência e total generosidade.

3. MENTE OPERACIONAL – parte comum aos dois hemisférios

Refere-se ao Poder Pessoal, traduzido aqui como uma força impulsionadora para a ação.

Também chamado de campo reptílico, o mais antigo campo mental. Está ligado à sobrevivência, trabalho, ação, organização, fazer acontecer, cuidar da família, ter praticidade e ganhar dinheiro.

* Uso de ferramentas

As atividades de Coaching e Mentoring são potencializadas quando são utilizadas ferramentas adequadas e que permitam ao Coach e Mentor ampliar a mentalidade do cliente com rapidez e facilidade. Recomendo as ferramentas e instrumentais de natureza holísticossistêmica para se afastar de ferramentas racionais e mecanicistas, baseadas em visões menos abrangentes.

Para Coaching e Mentoring na Gestão de Pessoas, é necessário entrar nas questões complexas desta área, para que de um modo geral este processo se potencialize por todos os níveis da organização.

* Autocondução

Uma pessoa que não se conduz adequadamente, que usa uma mentalidade estreita e sem automotivação, não tem as condições necessárias de atuar com Maestria Pessoal. A autocondução é a parte operacional da Maestria que se refere à capacidade de tomada de decisões, de assumir a sua vida, de conduzir adequadamente as atividades e obter resultados junto aos clientes.

* Postura prestadia

Uma pessoa prestadia é aquela que se dedica ao bem-estar e sucesso das pessoas em função de sua compreensão e da consciência ampliada da Vida. A forma mais elevada de Coaching e Mentoring surge quando o profissional tem esta postura.

* Realização Pessoal

Está relacionado com a felicidade duradoura, que vem de dentro, do coração e não de atividades externas, bens ou metas.

Realização Pessoal também está ligada a uma correta e adequada sobrevivência, boa convivência com a família e pessoas, e obviamente, estar em comunhão com o Todo.

Espero ter elucidado alguns aspectos deste processo: Maestria em Coaching e Mentoring na Gestão de Pessoas.

Utilize minhas colocações como um ponto de partida para refletir e desenvolver estudos mais profundos para elaborar sua síntese pessoal. Coloco-me à disposição do leitor.

Marcos Wunderlich
Presidente Executivo do Instituto Holos de Qualidade

Marcos Wunderlich é Empresário e Presidente Executivo do Instituto Holos. Pioneiro do Coaching e Mentoring no Brasil, é referência nacional em Formação e Instrumentação de Mentores e Coaches no Brasil com abordagem holossistêmica e complexa, tem mais de 30 anos de experiência profissional. Consultor, palestrante, Master Coach e Mentor de Executivos. Mentalizador do Sistema ISOR® um conjunto instrumental científico-pedagógico de Desenvolvimento de Pessoas e Organizações com base na moderna ciência e neurociência, na milenar sabedoria humana e nas inovações da administração. Filiado ao ICF – International Coach Federation. Consultor CMC – Certified Management Consultant credenciado pelo IBCO – Instituto Brasileiro de Consultores de Organização em convênio com o ICMCI – International Council of Management Consulting Institutes. Formado e pós-graduado na área tecnológica, tem várias formações no campo da Gestão e Humanidades,
follow me
Anúncios
Neste artigo


Participe da Conversa