fbpx

Dificuldade com o sono? Como as técnicas HeartMath podem ajudar

Nestes momentos desafiadores e incertos que vivemos, muitas pessoas têm relatado dificuldade em dormir ou em ter um sono regenerador. O que fazer?

Dificuldade com o sono

Dificuldade com o sono? Como as técnicas HeartMath podem ajudar

Nestes momentos desafiadores e incertos que estamos vivendo, muitas pessoas têm relatado dificuldade em dormir ou em ter um sono regenerador. Seja por conta de novas rotinas ou por ausência de perspectivas claras durante o dia, além da ansiedade da madrugada pela dificuldade de cair no sono ou pelos muitos intervalos acordados. E o dia seguinte? É sempre desafiador. Acordamos cansados, sem energia, confusos, esquecemos coisas, temos “brancos” de palavras, ficamos impacientes com as pessoas ao nosso redor e nossa performance é reduzida. Literalmente, nos arrastamos até a próxima possibilidade de sono, sem saber se vamos repetir o drama da noite anterior.

Somos sistemas de energia. Carregamos nossa bateria interna nos alimentando, fazendo coisas que nos alegram e tendo um sono regenerador todos os dias. Quando isso não acontece, nossa bateria é drenada e toda a nossa performance física, mental e emocional fica comprometida. Nossa capacidade de desenvolver e manter a resiliência tem a ver com a quantidade de energia que conseguimos gerar e armazenar durante o dia e a inteligência de evitar drenos desnecessários de energia.

Não dormir o suficiente não só prejudica o carregamento da nossa bateria interna, como o stress decorrente acaba drenando ainda mais energia. Afeta nosso bem-estar emocional, nossa clareza cognitiva, nossas comunicações e relacionamentos, nosso desempenho no trabalho, no esporte ou em qualquer coisa que fazemos e, ainda, o senso de conexão com nossa essência e propósito, nos desconectando da inteligência intuitiva do coração.

Quanto mais ficamos ansiosos por não dormir, mais difícil fica cair no sono. A ansiedade libera adrenalina que leva o corpo e a mente a agirem – o oposto do que precisamos para dormir.

Muitos de nós nos rendemos aos remédios indutores de sono e ainda nos pegamos frequentemente acordados por boa parte da noite. O que devemos fazer?

O primeiro passo é buscar ajuda em um local a 30 cm do seu nariz: o seu coração.

Seu coração bate em um ritmo. Um ritmo composto pela variação entre os batimentos cardíacos, chamado de Variabilidade de Frequência Cardíaca (VFC).

Pesquisas do Instituto HeartMath mostram que quando você está preocupado, ansioso, frustrado – ou seja, estressado – esse ritmo se torna irregular ou incoerente. Quanto mais estressado você está, mais caótico se torna o padrão de seu ritmo cardíaco.

Por outro lado, as pesquisas também demonstram que emoções e atitudes regeneradoras como amor, carinho, gratidão, apreço, compaixão ou alegria, ordenam o ritmo do seu coração e promovem o estado de Coerência Cardíaca.

O estado de Coerência Cardíaca promove a sincronia de vários sistemas do nosso corpo, harmonizando os sistemas nervoso, endócrino e imunológico. Quando nossos ritmos cardíacos estão coerentes, reduzimos o cortisol, hormônio associado ao stress e aumentamos o DHEA, o hormônio da vitalidade, que nos ajuda a dormir mais profundamente e a acordar mais energizados e revigorados.

Até pequenas reações emocionais desgastantes durante o dia, como raiva, frustração, ansiedade ou angústia, liberam cortisol, que pode ficar até 12 horas no nosso corpo e prejudicam o nosso sono.

Veja o gráfico abaixo. Você pode ver o quão irregular e incoerente é o padrão do ritmo cardíaco quando você está ansioso ou frustrado e como ele se torna suave e sinusoidal (coerente) quando você está sentindo apreciação.

Dificuldade com o sono

O curioso é que ambos os gráficos mostram os ritmos cardíacos da mesma pessoa sentindo emoções diferentes em um intervalo de 5 minutos. Ora frustração, que gera ritmos cardíacos incoerentes; ora apreciação, que promove coerência cardíaca.

O que é ainda mais interessante é que os cientistas descobriram que o ritmo suave e coerente é o padrão em que seu ritmo cardíaco entra naturalmente durante o sono profundo.

Com isso, adquirimos a consciência de que temos o poder de escolher o caminho da autorregulação. Podemos escolher vivenciar emoções regeneradoras para uma vida integral, com mais saúde, harmonia, performance, clareza mental. E para dormir melhor!

Duas dicas HeartMath para você diminuir o desafio de dormir e ainda promover um sono regenerador:

Pratique Emoções Regeneradoras durante o dia

Durante o dia, ao se mover entre as diversas atividades e desafios, pratique pequenas pausas de 2 a 3 minutos para respirar focado no coração e vivenciar emoções regeneradoras como amor, gratidão, apreciação por algo ou alguém na sua vida. Respire mais profundamente e mais devagar que o normal, imaginando o ar fluindo para dentro e para fora do seu coração, em um ritmo confortável, buscando o mesmo tempo de inspiração e expiração. Após algumas respirações, inspire e vivencie no seu coração a emoção regeneradora.

Estas pequenas pausas durante o dia vão harmonizar os dois ramos do seu sistema nervoso autônomo – simpático e parassimpático – e irão regular a atividade hormonal, reduzindo o cortisol (que prejudica seu sono) e aumentando o DHEA (que promove o sono restaurador).

Ative Sentimento de Calma antes de dormir

Ao fechar os olhos à noite, coloque uma forte intenção de não dramatizar o seu desafio para dormir – isso gera mais stress e mais dificuldade, pois cria ritmos incoerentes no seu coração. Então você pode escolher neutralizar este sentimento, substituindo-o por calma.

Traga a sua atenção para a região do coração. Passe a respirar mais profundamente e mais devagar, imaginando o ar fluindo para dentro e para fora do seu coração. Busque um ritmo confortável. Vivencie um sentimento de calma, enquanto continua respirando com foco no coração. Você pode trazer uma memória de um momento quando se sentiu calmo, tranquilo, seguro. E reviva este sentimento até efetivamente se sentir mais calmo. Lembre-se: não basta lembrar, tem que sentir para efetivamente entrar no estado de coerência cardíaca.

Evite assistir conteúdos que drenam a sua energia antes de dormir. Alimente-se saudavelmente. Beba água. Respire no coração. E navegue pela vida degustando emoções regeneradoras nas suas mais diversas possibilidades. E bons sonhos!

Gostou do artigo sobre a dificuldade com o sono e como as técnicas HeartMath podem ajudar? Tem alguma dúvida? Então entre em contato comigo. Terei o maior prazer em responder.

Roberta Moreira Lima
https://www.linkedin.com/in/robertam1

Confira também: O que HeartMath tem a ver com Propósito?

 

Roberta Moreira Lima é publicitária, idealizadora e orquestradora da RESERVA DE IDEIAS Marketing Consciente, organização em rede que há quase 20 anos atua com o propósito de contribuir para uma nova consciência nos negócios. Formada em Propaganda pela FAAP e pós-graduada em Marketing pela ESPM. Obstinada em promover um mundo melhor para todos, é certificada em Capitalismo Consciente, Coach pelo ICI – International Coaching Institute, Master Practioner em PNL, pela SBPNL e Terapeuta Vibracional, pelo Método Barbara Brenan (no Brasil, pelo Atelie de Luz). Estudiosa de espiritualidade e expansão da consciência, em especial de Um Curso em Milagres e Um Curso em Amor. Instrutora Certificada HeartMath®
follow me
Neste artigo


Participe da Conversa