fbpx

Como empreender do zero

Muitos enxergam este ano como a oportunidade que precisavam para finalmente tirar aquela velha ideia do papel, e encarar o antigo sonho de empreender. Mas como começar?

Como empreender

Como empreender do zero

Este ano de 2020 está sendo desafiador para a maioria de nós. Muitas pessoas enxergaram este ano como a oportunidade que precisavam para finalmente tirar aquela velha ideia do papel, e encarar o antigo sonho de empreender. E muita gente que quer começar se pergunta: Como começar?

A primeira dica que eu tenho para te dar, já indo direto ao ponto é: movimente-se! Movimento gera movimento. Portanto, mesmo se você não puder se movimentar presencialmente, por conta da pandemia, movimente-se on-line. Vasculhe a internet, assista a vídeos, participe de aulas on-line, cursos, etc.

Movimento gera movimento, e pessoas que estão caminhando se encontram. Se você quer encontrar outras pessoas como você, que também estão caminhando em busca de seus sonhos, para trocar ideias e ter fontes de apoio e inspiração, é importante que você não fique parado!

Existem vários caminhos que levam ao sucesso, mas o sucesso no empreendedorismo é só um: tentar com persistência até dar certo. Portanto, a segunda dica é a fórmula para o sucesso empreendedor = disciplina + persistência.

As pessoas quando começam a empreender, tendem a achar que, magicamente em algum momento da jornada, o sucesso vai cair no colo, mas a realidade não é assim. A sorte só aparece quando o seu preparo encontra oportunidades. Você precisa estar pronto. Para isso é preciso algo muito mais forte do que motivação: é preciso disciplina e persistência. O sucesso não é a colheita, é o plantio. A vida é a lei da semeadura, tenha atenção ao que você vai plantar. Semear com constância é o que vai te levar mais longe.

Foque mais nos seus talentos e menos nos seus defeitos.

Primeiro identifique no que você é bom, busque entender quem é você, seus gostos e paixões, suas aptidões, seus talentos, seus dons. Pelo que as pessoas te admiram? E assim que você conseguir identificar, passe o restante dos dias lapidando isso! Porque o conhecimento transforma, desde que você saiba o que fazer com ele.

As pessoas normalmente estão focadas nos seus defeitos, se autocriticando, se julgando, achando que não são suficientemente boas. Faça o contrário! Foque naquilo que você é bom, pague alguém para te ajudar em tudo aquilo que você não sabe ou tem dificuldade. Terceirize as suas fraquezas.

Não se preocupe com o medo. Siga em frente, mesmo com medo. O medo é o respeito ao novo, e é muito importante para a nossa sobrevivência. Pessoas que não têm medo geralmente são estúpidas, são capazes de colocar uma venda nos olhos e pular num lago cheio de crocodilos.

Portanto tenha medo, porque o medo te protege, mas não deixe que ele te impeça de caminhar. Acima do medo, você precisa desenvolver a sua coragem, que é a certeza da existência do medo, aliada ao seu desejo de seguir em frente. Você tem que ter mais coragem do que medo! Estabeleça um limite para seu medo: até onde você deixa o seu medo ir na sua escada de sucesso? O medo sempre vai existir, mas você precisa construir um degrau acima dele.

Tenha visão de longo prazo. Pense grande e execute pequeno.

Ter visão de longo prazo e metas desafiadoras é muito importante, mas quanto maior for o seu horizonte de tempo em projetos, maior será o seu grau de sucesso.

O sucesso precisa de um prazo para acontecer, é como uma árvore: ela não fica grande da noite para o dia. Depois de ser semeada ou plantada, precisa ser regada por bastante tempo e com constância para crescer. Você demorou 9 meses até estar pronto só para nascer! As coisas precisam de tempo para funcionar. Portanto não desista. Controle a sua ansiedade de empreendedor e dê tempo ao tempo para o seu negócio florescer. A pressa é inimiga da perfeição. Disciplina e persistência, com constância e tempo são a sua melhor opção.

Cuidado para não querer inverter a lei da vida. A lei da vida é: semear antes e colher depois, pagar antes e desfrutar depois. Portanto, você precisa estar disposto a semear, disposto a pagar um preço pelo seu sucesso como empreendedor.

E você até onde está disposto a ir? Qual o preço você está disposto a pagar? O quanto você está disposto a arriscar?

Se tudo o que você quer é rotina e segurança, talvez empreender não seja o modelo de vida ideal para você. Pense nisso.

Menos desculpas e mais resultados. Seus resultados são inversamente proporcionais às suas desculpas. As pessoas são muito boas em criar desculpas, principalmente quando a meta que se quer atingir não é fácil. A questão é exatamente essa: se fosse fácil todo mundo faria. Empreender não é fácil, mas também não é impossível.

A verdade é que crescer dói.

E o caminho do sucesso, na sua aplicabilidade prática, é complexo. Requer dedicação, aprendizado, conhecimento e foco, seja vendendo água, ou administrando um complexo industrial bilionário. E, em geral, quando a complexidade começa a surgir, as pessoas logo inventam mil desculpas ou justificativas para fugir do esforço. Mas onde há desculpas, não há resultados.

Quem é bom em desculpas, não é bom em mais nada, e quando muito se justifica, pouco se faz. E a falta de ação, obviamente, não leva ninguém a lado nenhum. Portanto, pare de complicar o simples, justificar o não querer caminhar e diminuir quem está caminhando.

Consuma conhecimento com estratégia e inteligência. Cuidado com o excesso de informação. Sempre que você for ler um livro, ou ver um vídeo, pergunte-se: este conhecimento que vou adquirir agora terá aplicabilidade prática? Obesidade de informação não serve para nada. Uma coisa é você ter conhecimento, outra coisa é praticá-lo. Uma coisa é você ler um livro sobre natação, outra coisa é mergulhar na piscina. A teoria é importante, mas ela sozinha não faz milagres.

Por último, eu lhe digo: acredite! Você tem que acreditar na sua ideia, no seu negócio, no seu potencial! Se você não acreditar no que você quer fazer, ninguém vai fazer isso por você. Se você não acreditar no seu próprio negócio, ninguém mais acreditará. Você precisa acreditar a ponto de conseguir provar por A + B que aquilo que você quer fazer é possível e que você tem potencial para fazer.

E se não der certo, você tem que ter persistência e coragem de recomeçar quantas vezes for necessário. Porque a grande verdade é que antes do sucesso, tudo o que temos nas mãos são apenas nossas tentativas e nossos aprendizados dos nossos fracassos.

A chance de errar na vida sempre é muito maior do que acertar. Portanto, você tem que ser persistente, e não desistir nunca. Pois, se você não acreditar na sua ideia, no seu negócio, ou no seu potencial de empreender, e tudo der errado, você não vai ter forças para persistir e tentar fazer de novo! Quem quiser chegar em algum lugar tem que persistir em continuar independentemente das adversidades.

Dar certo é uma questão de querer. Não tem a ver com a realidade nem o local em que você nasceu, ou com as coisas que você teve ou não teve; tem a ver com querer dar certo, com estar disposto a pagar o preço, a se esforçar, a correr atrás e nunca desistir. Pois uma coisa é verdade absoluta: crescer dói. Você tem que sentir na pele para vencer na vida, é preciso pagar o preço para ter sucesso. Não há milagre, o sucesso é 99% de transpiração, e apenas 1% de inspiração, ou sorte. Portanto, esteja preparado.

Você quer ter sucesso? Então entenda que o sucesso tem muito mais a ver com a sua jornada, do que com o seu destino. Você quer chegar no topo? Ok, mire no topo, mas caminhe com os pés no chão, degrau após degrau. Busque sempre ser um pouco melhor que ontem, e, além do topo, esteja focado no seu próximo nível. Pois não interessa onde você está, ou de onde você começou, é para o próximo nível que você tem que ir.

Você gostou do artigo sobre como empreender do zero? Quer saber mais? Então entre em contato comigo. Terei o maior prazer em responder.

Boa jornada!

Um forte abraço e boas realizações.

Paula Quaiser
http://www.paulaquaiser.com

Confira também: Minhas vendas estão baixas. E agora?

 

Paula Quaiser é graduada e pós-graduada em Marketing. Master Coach e Canvas, certificada nacional e internacionalmente. Idealizadora do método Canvas Coaching. Eterna viajante e nômade digital. Palestrante internacional, em mais de 10 cidades pelo mundo. Indicada ao prêmio Bid-Star Awards 2018 (Genebra, Suíça) em qualidade de inovação. Coautora dos livros: “Business Model Teams” e “O Fator-E: O empreendedorismo como forma de transformar pessoas e empresas”.
follow me
Neste artigo


Participe da Conversa