fbpx

A força da gratidão e do perdão

Hoje em dia fala-se muito em gratidão, mas será que este sentimento está compreendido ou é apenas uma banalização do termo?

gratidão

A força da gratidão e do perdão

Hoje em dia fala-se muito em gratidão, mas será que este sentimento está compreendido ou é apenas uma banalização do termo?

Eu acredito que a gratidão vai além do entendimento teórico sobre a grandeza desta palavra. Apesar de muitos a banalizarem, pesquisas revelam que as evidências são cada vez maiores sobre a força desta emoção em nossos resultados.

Segundo a neurociência, ao sentirmos-nos gratos, uma área em nosso cérebro é ativada liberando dopamina, proporcionando a sensação de bem-estar e felicidade. Pessoas gratas, têm mais coragem, resiliência, disposição, alegria e, o mais importante, para este momento: pessoas gratas têm maior imunidade e quando adoecem, se recuperam mais rapidamente.

Isso sem falar que a gratidão é também uma das vibrações mais elevadas que existe. Mas o que isso quer dizer?  Quando somos envolvidos por sentimentos positivos como a gratidão, tudo em nossa vida passa a fluir melhor: nossos relacionamentos melhoram, nossa produtividade aumenta, assim como a nossa sensação de bem-estar e felicidade.

Da mesma forma acontece com o perdão. Enquanto a gratidão abre portas, o perdão transforma tudo. A falta do perdão é como uma prisão que sufoca a alma e drena a nossa energia.

Quem sente que precisa dar o perdão, deverá ter disposição para percorrer seus estágios e isso pode levar tempo, mas respeitar este processo é uma importante atitude de autorrespeito; já quem sente que precisa receber o perdão, é porque talvez ainda não tenha se perdoado e precisará se olhar com compaixão.

Talvez você esteja pensando: mas o que esses dois assuntos tem a ver com o trabalho?

As empresas que mais se destacam no mundo são aquelas que se importam com as pessoas, sejam elas seus clientes, parceiros e colaboradores, promovendo atitudes positivas e transformadoras, como a gratidão e o perdão.

Eu acredito que a compreensão sobre algo sem a prática torna-se ineficaz e por isso preparei um exercício para te ajudar a praticar a gratidão e o perdão ao longo das próximas semanas. Convide quem você quiser; quanto mais nos unirmos praticando sentimentos elevados, maior será a nossa imunidade e consequentemente a saúde e bem-estar. Você precisará de um caderno ou agenda para anotar e uma caneta.

GRATIDÃO:

Faça uma lista diária de coisas pelas quais você é grato.

Escolha, no mínimo, 1 pessoa por dia para demonstrar verbalmente sua gratidão. Escreva o nome desta pessoa e o motivo pelo qual você se sente grato(a) a ela.

PERDÃO:

O que precisa perdoar em sua vida? Pense nas pessoas que te feriram e, em relação às quais, haja ainda necessidade de você perdoar. Agora, escreva um compromisso para trabalhar o perdão. Pode ser que você ainda não esteja pronto para perdoar, mas se esforçando um pouco, poderá aprender a não ficar remoendo. Escreva abaixo o seu compromisso. Escreva também os ganhos que teve em relação a cada experiência de dor que necessitou ou necessita do perdão. Caso sinta que não tem o que perdoar, escreva os motivos que te fazem sentir gratidão por ter perdoado as situações mais desafiadoras que já viveu e que lhe causaram dor. Toda perda apresenta possibilidades de ganhos!

Não deixe de escrever, isso porque, segundo pesquisas científicas, a prática da escrita nos ajuda sob diversos aspectos:

Ela reúne diversas outras capacidades cognitivas como o aumento do estímulo ao aprendizado; reduz os hormônios ligados ao estresse no corpo, melhorando o sistema imunológico; nos ajuda a lidar com nossos problemas; nos ajuda a reter melhor a informação, facilitando a fixação da memória; melhora a qualidade de vida quando listamos as coisas pelas quais somos gratos. 

(Fontes: Cientific American Mind; Academy Of Management; The New York Times).

Gostou deste artigo? Visite minha página na internet (clique aqui) e me acompanhe nas redes sociais para mais conteúdos assim.

Grande abraço e até o próximo mês!

Shirley Brandão
https://shirleybrandao.com.br/

Confira também: 5 dicas incríveis para você reinventar a sua forma de liderar

 

Shirley Brandão acumulou mais de cem mil horas exercendo cargos de alta liderança ao longo de seus 31 anos de experiencia. É administradora; Especialista em Liderança e Gestão Organizacional pela Franklin Covey, Pós-graduada em Coaching, Liderança e Consultoria pela Organização Condor Blanco/Chile; Master Coach. Desenvolve programas personalizados para líderes utilizando técni-cas de Coaching e Mentoring. É sócia-fundadora do Grupo Vivencial Eu Pleno – Terapia e Co-aching Vibracional (Brasil/Atacama/Havaí); É sócia-fundadora do Workshop Outdoor Vivencial A Jornada do Propósito; Palestrante Internacional já tendo palestrado em Londres e Nova York. Certificada MBTI Step I e II. Escritora, autora do livro O Caminho de Shanti – O Perdão Muda Tudo, Editora Hércules. Shirley atribui sua ascendência profissional à sua forte paixão pelo de-senvolvimento humano. Seu propósito de vida é fazer as pessoas acreditarem que podem voar e assim fazê-lo à altura de seus sonhos.
follow me
Neste artigo


Participe da Conversa