fbpx

5 Traços para uma Maior Força Emocional

Como ser mais forte emocionalmente? A força emocional permite superar o medo, manter a esperança, perseguir os sonhos e nos tornar as pessoas que gostaríamos de ser.

5 traços para uma maior Força Emocional - Ser forte emocionalmente

5 Traços para uma Maior Força Emocional

Como Coach e estudiosa de como as mulheres se relacionam e conduzem seus relacionamentos, percebo que muitas vezes é necessário fortalecer a mente para que se encontre o alívio necessário na busca por tomada de decisão consciente.

A força emocional pode ajudar no autocontrole, além de ser também uma das bases da resiliência, a capacidade de responder positivamente a experiências intensas de forma aberta e vulnerável.

Além de ajudar nos relacionamentos, mas também nos golpes da vida, a força emocional permite superar o medo, manter a esperança, perseguir os sonhos, e nos tornar as pessoas que gostaríamos de ser.

É uma habilidade que, de fato, podemos sempre desenvolver em um trabalho constante.

Destaco os 5 traços constantes e comuns nas pessoas que estão trilhando o caminho para uma maior força emocional e ser mais forte emocionalmente, a saber:

1. Questione os próprios pensamentos

Pensamentos são apenas pensamentos. Mentes ocupadas podem trazer tristeza, mágoa, depressão, raiva e outros sentimentos até a exaustão.

Aprenda a recuar mentalmente e ver a si mesma e o mundo com mais precisão e com verdade.

2. Use seus sentimentos como guia

Entenda que quando seus sentimentos recebem muito poder, eles também adquirem o poder de dominar tudo, por isso, em vez de lutar contra eles, aprenda a ouvi-los.

Aprenda a usar as emoções como um guia que te orienta como agir e do que é de fato importante e que precisa ser processado e curado dentro de você.

3. Não perca tempo se batendo

Aprenda a perceber e entender o seu interior, e lidar com os contratempos, decepções e fracassos. Deixe de levar as críticas para o lado pessoal.

4. Aprenda a se consolar sem perder a capacidade de consolar os outros

Quando pensamentos ou emoções negativas surgirem, então acalme-se e não fuja delas. Não dependa exclusivamente dos outros para superar as coisas.

Isso não significa que não é para procurar ajuda quando necessário, apenas que você tem que aprender a usar e fortalecer os seus próprios recursos. Desenvolva estratégias saudáveis para se acalmar e assim se recompor. Isso também te ajudará a auxiliar as outras pessoas ao seu redor.

5. Use você mesmo como medida de comparação

Não caia na armadilha da comparação. Não use os outros para se sentir melhor ou então para se prejudicar. Use a si mesmo como “régua” e procure pensar a fazer melhor hoje do que ontem e assim sucessivamente, todos os dias.

Gostou do artigo? Quer saber mais sobre a força emocional e como trilhar o caminho para ser uma pessoa mais forte emocionalmente? Então entre em contato comigo. Terei o maior prazer em responder.

Ercília Canali
http://www.erciliacanali.com.br/

Confira também: 5 Formas de Identificar (de fato) a Linguagem do Amor

 

Ercilia Canali é especialista em desenvolvimento afetivo e profissional.Consultora de carreira para planejamento do Percurso Profissional diante da história de carreira e de vida, desenvolvimento de competências, transição de carreira e resiliência no ambiente de trabalho.Criadora do programa de atendimento Percurso Afetivo, metodologia de atendimento para mulheres, com foco na aprendizagem de lidar com sentimentos e superar acontecimentos como: infidelidade, traição, separação, dependência emocional, dificuldade de se relacionar, medo e solidão.Mentora de mulheres para resgate de Autoestima e Amor Próprio.Idealizadora e facilitadora do Círculo Afetivo, – encontro de mulheres com compromisso umas com as outras de apoio, respeito, escuta e conexão, com o objetivo de promover o desenvolvimento humano.Certificada Professional Coaching, Self Coaching e Coaching Generativo, pelo Centro Nacional de Coaching – Cenacoaching; Practitioner SOAR – Soar Advanced Certification Program Presential, – Analista Comportamental, em Flórida Christian University – FCU (USA); Practitioner PNL – Programação Neurolinguística, pelo Centro Nacional de Coaching – Cenacoaching; Pós-graduação em Gestão e Desenvolvimento de Consultoria Interna em Recursos Humanos pela Fundação Armando Álvares Penteado – FAAP; MBA em Gestão Estratégica de Pessoas pela FAAP. Graduada em Serviço Social pelas Faculdades Metropolitanas Unidas – FMU; Membro do Grupo de Estudo e Trabalho dos Profissionais de Recursos Humanos das Agências de Publicidade de São Paulo; mais de 30 anos dedicados a área de gestão de Recursos Humanos.
follow me
Neste artigo


Participe da Conversa