fbpx

5 dicas incríveis para você reinventar a sua forma de liderar

O mundo pede reinvenção, independentemente do segmento ou área de atuação. Criar um novo normal para a forma de liderar tornou-se uma necessidade urgente!

forma de liderar

5 dicas incríveis para você reinventar a sua forma de liderar

O mundo pede reinvenção, independentemente do segmento ou área de atuação. Criar um novo normal para a forma de liderar tornou-se uma necessidade urgente; parafraseando Einstein, não há mais tempo pra fazer as coisas do mesmo jeito e esperar por resultados diferentes. A liderança dos novos tempos nos convoca a refletir sobre nossas habilidades, especialmente comportamentais, com coragem e honestidade.

Para nos tornarmos o líder que almejamos ser no futuro, é importante estarmos dispostos a fazer algo hoje. Não se chega a lugar algum somente pela intenção; embora tudo comece aí, é preciso comprometer-se a dar os passos necessários, dia após dia, para se alcançar o que deseja.

Para ajudá-lo a construir a sua nova modalidade de liderança, nesses tempos de mudanças sem precedência, eu preparei algumas dicas essenciais. São elas:

1. Dizer sim para a sua nova forma de liderar, talvez implique em ter que dizer não para a maioria das coisas que anda fazendo.

Faça uma reflexão sobre o modo como você lidera e decida: “De quais comportamentos eu devo abrir mão?” Muitos líderes, diante das urgências relacionadas ao exercício de sua profissão, não costumam parar para refletir sobre seus atos, deixando-se levar por hábitos que outrora até funcionaram, mas que hoje são passíveis de questionamentos. O líder precisa ter em mente a importância de se reciclar, abrindo espaço para novas possibilidades no exercício de sua profissão.

Como você deseja ser lembrado por sua equipe? Que contribuição você espera deixar na vida de cada um deles? Saber essas respostas é fundamental para decidir os “nãos” que se deve dizer.

2. Refutar as próprias verdades. 

A maioria das verdades ditas como absolutas são refutáveis, inclusive as próprias. Antes de firmar sua opinião a respeito de determinado assunto, esteja aberto para questionar: “Será que esta é a melhor solução? Será que haveria outra forma mais assertiva e eficaz de se chegar ao resultado desejado? Será que a visão do outro (líder, par, liderado…) pode ser melhor que a minha? Eu quero estar certo ou estou disposto a deixar que a opinião do outro prevaleça, se for melhor do que a minha?”

Refutar as próprias verdades é uma forma incrível de reinventar-se como líder.

3. Estabelecer bem suas prioridades.

Todo líder deverá iniciar seu dia sabendo qual é a sua prioridade máxima, qual é a missão do seu cargo na empresa e o impacto que se espera ao exercer essa missão. Não menos importante, o líder deverá responder a algumas perguntas básicas, diariamente, antes de iniciar sua jornada de trabalho, a saber: “O que eu preciso fazer hoje para exercer minha missão como líder? Como saberei que estou no caminho certo, que recursos posso usar para me ajudar a perceber minha evolução?”. No final do dia, o líder deverá responder a algumas outras perguntas, por exemplo: “Quantos passos eu avancei no cumprimento da minha missão? Que ações práticas e/ou comportamentos eu tive para saber que atingi meu objetivo?” 

4. Praticar a empatia. 

Muito se fala sobre a importância da empatia, mas pouco se conhece sobre a essência desse termo. Empatia quer dizer: sentir o que sentiria uma outra pessoa, compreendendo suas emoções mais profundas, sem julgamentos, procurando assim experimentar de forma objetiva e racional o que o outro está sentindo de verdade. Esse termo está diretamente relacionado ao altruísmo, que significa ter um interesse genuíno por ajudar ao próximo sem necessidade de receber algo em troca.

O líder que procura reinventar-se, considera a necessidade de estabelecer um olhar mais profundo para tornar-se empático, não somente com os seus liderados, mas com todos à sua volta. Relacionar-se com outro a partir desta visão empática é uma das habilidades fundamentais do novo líder, assim uma pergunta que pode contribuir nesse processo é: “Como eu posso exercer minha liderança de modo a contribuir com o crescimento do outro?

5. Usar a curiosidade. 

Esta é uma das forças de caráter mais importantes para os momentos onde a reinvenção se faz necessária, como nos tempos atuais. A curiosidade é uma força que faz parte de uma virtude essencial em liderança: a sabedoria! Um líder que exerce tal força não se contenta em fazer as coisas de maneira convencional, mas, ao contrário, procura encontrar meios de se adaptar às circunstâncias com originalidade,  contribuindo com todos ao seu redor. Para potencializar esta força, presente em todos nós, então pergunte-se: “Que oportunidades estão chegando com este desafio? Que maneiras além dessa(s), … que alternativas ainda não explorei para chegar neste resultado?”

O mais importante antes de adotar as dicas acima é o líder reconhecer a transformação pela qual o mundo está passando e desse modo estar disposto a se adaptar à nova forma de liderar.  É preferível passar pela dor das experiências que conduzem à essência da liderança transformacional, a ter que viver no sofrimento de quem resiste às mudanças, tão importantes e necessárias para este novo tempo.

Gostou desse artigo? Então compartilhe em suas redes sociais!

Shirley Brandão
https://shirleybrandao.com.br/

Confira também: Acalmar o mar não te fará dominar a arte de liderar, mas aprender a surfar, sim!

 

Shirley Brandão acumulou mais de cem mil horas exercendo cargos de alta liderança ao longo de seus 31 anos de experiencia. É administradora; Especialista em Liderança e Gestão Organizacional pela Franklin Covey, Pós-graduada em Coaching, Liderança e Consultoria pela Organização Condor Blanco/Chile; Master Coach. Desenvolve programas personalizados para líderes utilizando técni-cas de Coaching e Mentoring. É sócia-fundadora do Grupo Vivencial Eu Pleno – Terapia e Co-aching Vibracional (Brasil/Atacama/Havaí); É sócia-fundadora do Workshop Outdoor Vivencial A Jornada do Propósito; Palestrante Internacional já tendo palestrado em Londres e Nova York. Certificada MBTI Step I e II. Escritora, autora do livro O Caminho de Shanti – O Perdão Muda Tudo, Editora Hércules. Shirley atribui sua ascendência profissional à sua forte paixão pelo de-senvolvimento humano. Seu propósito de vida é fazer as pessoas acreditarem que podem voar e assim fazê-lo à altura de seus sonhos.
follow me
Neste artigo


Participe da Conversa