fbpx
Anúncios

3 Razões para não acreditar em seus Pais!

Será que eu sou de certa personalidade porque meus Pais me educaram de uma certa maneira? Será que se eu tivesse vivido noutra família e noutro contexto social teria um outro perfil de personalidade? E até que ponto eu acho que sou assim porque minha Mãe ou meu Pai falaram?

Quando estamos apurando a nossa personalidade, segundo o Eneagrama, há algumas questões recorrentes: Será que eu sou de certa personalidade porque meus Pais me educaram de uma certa maneira? Será que se eu tivesse vivido noutra família e noutro contexto social teria um outro perfil de personalidade? E até que ponto eu acho que sou assim porque minha Mãe ou meu Pai falaram?

Existem pelo menos 3 razões para não acreditar naquilo que seus pais falaram acerca de sua personalidade:

  1. Porque muitas vezes eles estão falando como eles são;
  2. Porque muitas vezes estão falando como eles gostariam de ser, e
  3. Porque você é uma pessoa diferente deles.

Para facilitar o entendimento de tudo isso, eu conto minha história pessoal:

Quando eu nasci eu era uma Laranja, meu Pai um limão e minha mãe uma manga. Sempre que eu fazia algo meu Pai chegava perto de mim e falava: Eduardo você tem que ser mais amargo. O mundo lá fora não está para facilidades. Quando você crescer terá que saber se defender. E como laranja você fica demasiado doce o tempo todo, ele falava. Isso não vai facilitar a sua Vida.

Por outro lado, a minha Mãe falava: Eduardo, você tem que ser mais doce, se não como as pessoas vão te aceitar? O mundo tem que ver a sua doçura. E você é doce. Precisa mostrar mais essa doçura para o mundo. Só assim o mundo vai te aceitar. E eu cresci pensando e agindo para ser uma laranja um pouco mais doce, por vezes, daquilo que era minha natureza, e, por outras, um pouco mais amargo, em especial em momentos em que necessitava me “defender”, como meu Pai tinha me ensinando.

Isso criou meu caráter e minha forma de ser. Por isso atraiu as pessoas que gostavam desse Eu que oscilava entre o doce de manga e o amargo de limão. Até que teve um dia que a minha laranja acabou dando seus próprios frutos. Coisas que eu mesmo tinha dado origem. Fruto do meu fruto. E eu não gostei. Achava que aquele fruto não era Eu. Só mais tarde eu descobri que aquele fruto era o único que eu era de verdade. Por isso passei a gostar cada vez mais de mim como laranja e do fruto do meu laranjal.

Descobrir a nossa personalidade é também uma forma de descobrir o nosso fruto, os seus sabores e talentos naturais. É muitas vezes também o abrir para um mundo de oportunidades tantas vezes fechadas por aceitar percepções nossas, que não são reais.

O Eneagrama é um mapa que traz com uma verdade confortante sobre 9 formas de pensar, sentir e agir, o que nós somos na nossa personalidade e na nossa essência. Por isso nos permite ver com clareza o mapa da nossa natureza, o mapa que nos pode apoiar a viajar na nossa Vida pessoal e profissional com mais identidade e verdade com nós mesmos e com os outros.

⚙️ Eneacoaching
Eduardo Reis Torgal atua como Business Coach desde 2004 em programas de transformação com Eneagrama para executivos e liderança empresarial de alta performance em grandes multinacionais. É palestrante em Portugal e em outros países da Europa. É mentor e fundador do Instituto Eneacoaching em Portugal e no Brasil onde treina outros profissionais na metodologia Eneacoaching com 9 Passos. Especialista em Psicologia Social e Influência com Neurolinguística; é professor convidado para áreas de Coaching, Liderança e Mudança Organizacional em várias pós-graduações em ensinos Portugueses assim como na Academia Força Aérea Portuguesa. Professor supervisor pela escola tradição narrativa – Helen Palmer e David Daniels para Portugal e Brasil. É autor de 3 livros: “Descubra a sua personalidade com o Eneagrama” (2013, Topbooks), “40 dias e um segundo para mudar a sua Vida” (2014, Topbooks) e “A arte da guerra na transformação pessoal” (2014, Topbooks).
follow me
Anúncios
Neste artigo


Participe da Conversa