Cuidando das Emoções

Publicado em 20 de fevereiro de 2018

Ansiedade, estresse e depressão se tornaram termos comuns na rotina nos últimos anos. A depressão, inclusive, foi considerada pela Organização Mundial da Saúde (OMS) como o "mal do século XXI," além de ser a principal causa de problemas de saúde e incapacidade em todo o mundo. A OMS revelou que mais de 300 milhões de pessoas vivem com depressão, um aumento de mais de 18% entre 2005 e 2015. O Brasil, sozinho, tem um total de 11,5 milhões (5,8% da população brasileira) de casos registrados e mais de 75 mil pessoas afastadas do trabalho por depressão em 2016, sendo classificado como maior índice na América Latina.

A falta de apoio às pessoas com transtornos mentais, juntamente com o preconceito existente, impede muitas pessoas de acessarem o tratamento de que necessitam para viver vidas saudáveis e produtivas. Doença silenciosa, ela ainda é incompreendida inclusive por quem sofre do problema. Há ainda quem considere, por exemplo, que é uma doença “fictícia”, de “luxo” ou “preguiça”. O pouco compartilhamento de conhecimento e divulgação sobre assuntos de natureza emocional tem levantando a necessidade de abrirmos novas conversas. Por que somos capazes de falar sobre febre amarela, com direito a manchetes e campanhas públicas e mantermos no escuro a discussão sobre as emoções?

Está na hora de quebrarmos o tabu e falarmos abertamente sobre questões emocionais. Quando estamos com um dor no corpo, não existem barreiras para expressar o incômodo. Buscamos remédios, dicas caseiras e especialistas para orientar e tratar. Em contrapartida, quando percebemos que não estamos bem emocionalmente, fazemos de tudo para evitar o assunto e enterrar estes sentimentos. Passamos a vida sendo educados a esconder nossas emoções; quando choramos, tentamos secar as lágrimas o mais rápido possível e até chegamos a pedir desculpa pelo choro.

Este assunto ficou tão relevante que até a Disney dedicou um filme inteiro para ensinar crianças, e mais importantemente, os adultos acompanhantes a falarem sobre sentimentos. O enredo de Divertida Mente se passa dentro da cabeça de Riley, onde cinco emoções — Alegria, Tristeza, Medo, Raiva e Nojo — são responsáveis por processar as informações e armazenar as memórias. Aprendemos com o filme algumas lições essenciais para a nossa vida:

  • A Alegria é sempre acompanhada pela Tristeza. Não existe ser 100% feliz em todos momentos da vida e até a vida fica mais bonita pela vivência das emoções contrastantes;
  • As emoções são o caminho para a nossa memória. Todas as lembranças que temos, sejam elas boas ou ruins, são recheadas por sentimentos;
  • Precisamos aprender a identificar nossas emoções e ensinar as gerações mais novas a falarem uma linguagem que contemple sentimentos;
  • Sentir é essencial para viver. Não se pode reprimir e esconder sentimentos – precisamos viver a vida de forma plena, incluindo sempre sensações positivas e negativas.

É essencial criarmos estratégias para cuidarmos das nossas emoções. Pesquisadores da psicologia positiva como Martin Seligman (2002) e Sonja Lyubomirsky (2008), dentre outros, propuseram uma fórmula da felicidade. Eles concluíram que fatores como genética, circunstâncias da vida e atividades intencionais influenciam diretamente na nossa felicidade. Dentre estes fatores, temos controle sobre as atividades intencionais, sendo necessária a implementação na rotina diária de momentos e atividades que gerem sensações prazerosas. Estas podem variar entre meditação, atividade física, assistir filmes, jantar com pessoas queridas, etc.

Quando falamos de saúde emocional, precisamos considerar a importância da busca pelo equilíbrio. Em estudo sobre o Desenvolvimento Adulto (Study of Adult Development, no original em inglês) pela Harvard University com foco na identificação dos fatores que fazem as pessoas saudáveis emocionalmente, os resultados demonstram que:

  • Precisamos estar conectados. Relacionamentos são essenciais para nossa satisfação na vida;
  • Cuidam da saúde física;
  • Focam no positivo;
  • Tem um propósito de vida;
  • Realizam atividades de prazer;
  • Entendem que momentos ruins fazem parte da vida, e buscam aprender com estes momentos.

A jornada pelo cuidado dos sentimentos é difícil e repleta de obstáculos como preconceito, julgamentos e críticas. A busca por ajuda profissional e especializada é de extrema importância em casos de percepção e identificação de sintomas. O Coach pode auxiliar na prevenção e apoio, porém não é capacitado para realizar tratamentos ou intervenções. Vemos uma oportunidade para os profissionais que realmente almejam transformar a saúde e bem-estar em processos empáticos e eficientes, a quebrarem os muros dos tabus em torno da saúde mental e compartilhar a importância de cuidar dos nossos sentimentos.

"A prova de que estou recuperando a saúde mental, é que estou cada minuto mais permissiva: eu me permito mais liberdade e mais experiências. E aceito o acaso. Anseio pelo que ainda não experimentei. Maior espaço psíquico. Estou felizmente mais doida."
(Clarice Lispector)







banner-busca-coach
Curta nossa Fan Page
Revista Coach Me
Pack Autodesenvolvimento
Twittadas Cloud Coaching
banner-busca-coach
banner-cloud-educacao
banner-pinterest
Depoimentos
"Parabéns pelo feito mais que merecido! Vcs têm trazido informações de qualidade, agregando não só a minha vida profissional, mas tb pessoal. Sucesso!!!"
Juliana Garbossa
"Parabéns para a equipe Cloud Coaching ! Acompanho diariamente os posts."
Luciana Furquim
"Parabéns! O conteúdo tem sido bastante interessante!"
Priscila Vidal
"Parabéns pela ideia. Os conteúdos são realmente muito bons. Que seja uma trajetória de ainda mais sucesso."
Rafael van Emelen
"Muito bom! Parabéns equipe Cloud! Já estou com vocês! Abraços!
Ana Cris Tina
"Cloud... Para já conversarmos: amo seus vídeos de motivação, são injeções de ânimo para a Vida. Parabéns pelo magnifico trabalho!!! Vocês são maravilhosos, postagens magníficas, videos, ah! eu acompanho todos. Tenham certeza absoluta que o trabalho, o empenho de vocês, são motivo de vida para muitas pessoas. Continuarei ouvindo todos que chegarem até minha página SIM e não é um elogio apenas, é o meu Aplauso à dedicação de vocês a nos ajudar a superar os embates que a vida nos apresenta. Me faz um bem danado!!! Que Deus os abençõe sempre e tenham um excelente final de semana!!!
Maria Terezinha Barbieri




FAÇA PARTE DA LISTA
CLOUD COACHING DO SUCESSO!


Por que algumas pessoas têm sucesso e outras não?
Algo de diferente elas têm! Será que elas têm simplesmente sorte?
Faça parte da comunidade de pessoas de SUCESSO e descubra!!!
Mais de 100.000 pessoas já se inscreveram e você?
​Vai ficar fora desta?

Inscreva-se agora mesmo e ganhe uma
Revista Coach Me inteiramente grátis!!!


Por favor, aguarde...



Muito obrigado!!!

Sua inscrição foi realizada com sucesso.
Em breve você receberá no e-mail cadastrado
o link para download de sua
Revista Digital Coach Me!

Um abraço da
Equipe Cloud Coaching
Por favor, preencha corretamente os campos!
E-mail inválido!
Ooops aconteceu um erro, tente novamente!
banner-coachme-

Você que segue nossa fanpage no Facebook não pode ficar fora dessa!
Quer se desenvolver pessoal e profissionalmente, sem deixar de lado sua qualidade de vida? Quer dar um gás na sua motivação e produtividade?
Então baixe agora mesmo o seu examplar da Coach Me e mude sua vida!
Basta clicar na imagem acima e você será redirecionado ao IBA, o portal de revistas digitais da Editora Abril.